ANO XIV

ANO XIV - Catorze anos informando sobre o mundo do trabalho

segunda-feira, 25 de julho de 2011

ENSINO TÉCNICO PROFISSIONALIZANTE - Melhores Remunerações


Uma pesquisa da Fundação Itaú Social mostra que os jovens com ensino médio profissionalizante têm salários até 12% maiores do que aqueles que cursaram o ensino médio regular.

De acordo com o estudo, a diferença de remuneração passa para aproximadamente 20% para trabalhadores que freqüentaram algum curso técnico na área industrial, como mecânica, metalurgia, manutenção automotiva, petroquímica, entre outros. Os jovens que apostaram na educação profissional voltada aos setores agropecuário, contabilidade, administração e de saúde (enfermagem, radiologia) recebem, respectivamente, salários de 13% e 9%  a mais do que aqueles que optaram pelo ensino médio tradicional.

Essa pesquisa mostra o quanto é importante para se colocar no mercado de trabalho, não só a escolaridade como também cursos profissionalizantes. Sabemos que há uma carência muito grande de técnicos em diversas áreas e aqueles que estão preparados tem melhores chances de ingressar no mercado de trabalho e receber as melhores remunerações.
O governo do Estado de São Paulo, por exemplo, oferece cursos técnicos a alunos já matriculados no ensino médio regular no contraturno das aulas. Os programas profissionalizantes serão descentralizados ao Centro Paula Souza, Instituto Federal de Ciência e Tecnologia e a instituições de ensino particulares. O Estado programou investimentos de cerca de R$ 60 milhões para criar 30 mil vagas a partir de outubro. A expectativa do governo é que até 2014, 450 mil jovens concluam o ensino médio com uma formação geral e técnica.

Hoje dei uma entrevista para o Jornal da Tarde onde fizemos algumas considerações sobre o ensino técnico profissionalizante, que será publicada amanhã.

Link para a matéria do JT:
http://blogs.estadao.com.br/jt-seu-bolso/ensino-tecnico-aumenta-salario-em-ate-188/