ANO XIV

ANO XIV - Catorze anos informando sobre o mundo do trabalho

sábado, 24 de dezembro de 2016

10 MILHÕES DE TRABALHADORES PODERÃO SACAR O FGTS EM 2017

O governo anunciou que a partir de 2017, dez milhões de trabalhadores poderão sacar o saldo do FGTS. O objetivo é injetar 30 bilhões de reais na economia.

Todavia, o saque deverá obedecer algumas regras e haverá ainda uma ordem cronológica para o saque, tal ordem será divulgada pelo governo em fevereiro de 2017.

A principal regra é que só poderá acontecer o saque de contas INATIVAS (data base em 31 de dezembro de 2015), ou seja, contas que não estão recebendo depósitos dos empregadores (trabalhador sem carteira assinada). Não haverá limita para saque. A idéia inicial do governo era limitar em até mil reais, mas o trabalhador poderá sacar caso haja um valor maior.

Trabalhadores que pediram demissão também podem sacar desde que se enquadrem na regra de inatividade da conta do FGTS em 31/12/2015. Para melhor entendimento, esclarecemos que o trabalhador com uma conta que estava ATIVA na data acima não terá direito ao saque, mesmo que atualmente esteja inativa. As pessoas que foram desligadas ou se desligaram do trabalho em 2016 NÃO poderão sacar.

Os trabalhadores que têm direito ao saque deverão comparecer a uma agência da CAIXA, obedecendo ao calendário a ser divulgado, e solicitar o saque, que pode ser em espécie (dinheiro) ou poderá indicar uma conta corrente para que seja feito o depósito, mesmo de outros bancos.

A CAIXA informou que o saldo pode ser consultado no site do banco ou por meio de um aplicativo para smartphone. Um número de telefone também foi divulgado para esclarecimento de dúvidas quanto ao saldo: 0800 726 0207

A CAIXA informou que o saldo pode ser consultado no site do banco ou por meio de um aplicativo para smartphone que pode ser baixado. Um número de telefone também foi divulgado para esclarecimento de dúvidas quanto ao saldo: 0800 726 0207 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário