ANO XIV

ANO XIV - Catorze anos informando sobre o mundo do trabalho

terça-feira, 15 de julho de 2014

CENTRO DE APOIO AO TRABALHO TEM NOVAMENTE SUAS ATIVIDADES PARALIZADAS











Nesta terça feira, em assembléia, os funcionários do CAT-Centro de Apoio ao Trabalho da Prefeitura de São Paulo, decidiram paralizar novamente as atividades e o atendimento ao público por falta de pagamento de salários e vale-refeição. Desta vez o atraso é de dois meses. Os funcionários foram informados que os salários poderiam ser depositados ainda no final do dia.

Mesmo com tantos problemas e com prognóstico ruim, a SDTE - Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo prorrogou o contrato com a AVAPE, entidade que contrata os funcionários para as atividades do CAT e que está em séria situação financeira.

A situação se arrasta sem que haja uma perspectiva concreta de solução do problema. Assim, a cada dia a qualidade dos serviços do CAT, tem decaído muito. Funcionários capacitados e bem treinados foram demitidos e os poucos que continuam e os recém contratados sofrem com os constantes problemas.

Muitos funcionários anteriormente desligados também encontram muitas dificuldades para receber suas indenizações e direitos.

O CAT é responsável pelas ações de Emprego no município de São Paulo e fornece diversos serviços como Carteira de Trabalho e Seguro Desemprego.

3 comentários:

  1. Realmente é impressionante o descaso com os funcionários e com os serviços que os CAT's prestam hoje para a população. Não há imprensa nas manifestação, ninguém entende totalmente essa situação. Um dos grandes agravantes dessa situação que a diminuição ou paralisação na prestação desse serviço público, tal qual ajudou muitas pessoas até hoje. Quem está foi mandado embora recentemente sabe como está difícil dar entrada no seu Seguro desemprego devido a diminuição de funcionários desse órgão e da má prestação de serviços dos outros órgãos similares. Grande perda também acredito que para os funcionários, que estão sem receber, eles são trabalhadores assim como todos os outros e merecem ter seus direitos respeitados! Realmente uma calamidade! Isso deveria ir para a mídia urgente!

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente com você anônimo, mas a mídia foi convocada e não compareceu nenhuma para a cobertura desde a primeira paralização. Acredito que os problemas que o Cat vem enfrentando não seja uma notícia que seja de interesse a esses órgãos que só publicam o que os responsáveis referente a esses assuntos querem, como por exemplo a própria prefeitura.

    ResponderExcluir
  3. È pessoal vamos a luta

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário