ANO XIV

ANO XIV - Catorze anos informando sobre o mundo do trabalho

sábado, 20 de abril de 2013

Buscar emprego não é brincadeira! Leve a sério.


Eu participo de um grupo no Facebook com oferta de oportunidades de trabalho (principalmente de médias e pequenas empresas) e pessoas em busca dessas oportunidades.
É uma experiência muito interessante observar as ofertas de emprego, pois vamos conhecendo um pouco do mercado de trabalho local, porém mais interessante ainda é observar os candidatos. Fica muito evidente o despreparo das pessoas. Posso afirmar que a maioria de quem busca emprego naquele grupo não tem foco e não consegue se expressar convenientemente. As falhas vão desde uma escrita ruim, com gírias e graves erros de português até não ter a mínima noção do que quer ou ainda dizer a que veio. 

Fala-se muito em falta de qualificação profissional, mas pior ainda é a falta de qualificação geral, vamos dizer assim! Sabemos que o país tem seu sistema educacional sucateado, problemas sociais, etc. Mas vejo ainda que as pessoas não se esforçam para melhorar, querem que tudo “caia do céu”! Estou generalizando aqui apenas para chamar a atenção para o fato. É claro que tem muita gente boa, que mesmo em condições adversas, supera tudo e conquista seu espaço. Naquele grupo costumo dar dicas sobre comportamento profissional, sobre o mercado de trabalho, entrevista de emprego dentre outras, mas infelizmente há pessoas que ignoram e reclamam por não conseguir passar em um processo seletivo ou pior, não consegue ao menos ser chamado para entrevista.
Falo tudo isso, pois muitas das falhas apresentadas podem ser solucionadas com um pouco de atenção e esmero com aquilo que está fazendo. Devemos lembrar que o empregador buscará o melhor dos candidatos que se apresentarem e se o nível desse grupo não atender ao perfil da vaga, o processo será estendido e outro grupo de candidatos será chamado. Então, pessoal, mais cuidado com vocês mesmos. Estejam atentos e busquem o crescimento. 

Não entendam isso como uma crítica gratuita, mas sim um alerta para quem deseja ter um espaço melhor no mercado de trabalho, um alerta para que sejamos melhores profissionais, seres humanos.

Por: Nelson Miguel Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário